AUTOR

MARTIN SCHMAL

MARTIN SCHMAL

Nascido na Alemanha e acolhido no Brasil como refugiado criamos família e raízes. Formado em S. Paulo como Engenheiro Químico pela PUC-SP em 64, fiz o mestrado na COPPE em 65 e logo após o doutorado na T.U.Berlin em final de 1970. No retorno, iniciei as atividades na COPPE e na Escola de Química, onde segui a carreira acadêmica desde 1971, com uma pequena fase na Industria Gessy-Lever em S.Paulo. Em 76 fui promovido a professor titular da COPPE. e em 85 prestei concurso público para professor Titular na Escola de Química de UFRJ. Os resultados podem ser observados pelas 90 teses de mestrado e doutorado orientadas, 85 trabalhos científicos publicados em revistas especializadas internacionais, além dos 262 trabalhos apresentados em congressos nacionais e internacionais. 
Como professor, semestralmente e ininterruptamente venho lecionando os cursos de Cinética e Reatores para alunos de graduação na Escola de Química e criando além disso o curso de Catálise para a Graduação. Na pós-graduação criei e sistematicamente leciono os cursos de Catálise Heterogênea e de Projeto de Catalisadores.
Importantes convênios e intercâmbios nacionais e internacionais foram estabelecidos, visando aprimoramento e constante contato com o exterior, destacando-se os da França- R.Frety (IRC/CNRS/CNPq), Estados Unidos (G.Somorjai-Berkeley, C.Campbell-Seatle e A.M.Vannice-Pennstate) através do NSF/CNPq), Alemanha - H.Freund (Max Plank-F.Haber), e Argentina- (E.Lombardo- Santa Fé e A.Yeramian- La Plata ) através do programa Conicet/CNPq.
Marco importante foi a criação do Núcleo de Catálise - Centro de Excelência na COPPE. 
Fui editor científico do Applied Catalysis por dois períodos de 4 anos cada, desde 1990 e continuo como representante na IUPAC na área de Cinética. Fui coordenador do Programa de Engenharia Química da COPPE por um periodo de 2 anos (97-98). Fui coordenador da Comissão de Catálise do IBP por tres anos (96-98) onde formalizamos a criação da Sociedade Brasileira de Catálise.
Dentre os vários feitos destacam-se na minha vida profissional a criação do Núcleo de Catálise, a formação do Programa Nacional de Catálise e a Sociedade Brasileira de Catálise, detalhados a seguir: 

Linhas de Pesquisa: Catálise Ambiental; Oxidação Total e Seletiva e Redução do NOx; Química do C1, onde são focalizados desde Reforma de gás natural a Síntese de  Fischer-Tropsch (GTL) Processos de  Hidrogenação,  Oxidação Seletiva e Total do metano e hidrocarbonetos leves.

schmal-cinetica.png 33ed5d11-cfad-45d7-94c2-6462af2046df.jpg

 


voltar para lista de autores