Autor

OTTO VICENTE PERRONE

OTTO VICENTE PERRONE

Otto Vicente Perrone nasceu em Guarani, Minas Gerais, e viveu a maior parte de sua vida no Rio de Janeiro, trabalhando na Petrobras. Diplomou-se em Química Industrial em 1951 e em Engenharia Química em 1955, na Escola de Química da Universidade do Brasil, hoje Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Seus feitos se espalharam pelo Brasil principalmente na Bahia, Alagoas, São Paulo e Rio Grande do Sul.

Na Petrobras ele chefiou a Assistência de Indústria Petroquímica, de 1964 a 1968. Foi Vice-presidente da Petroquisa de 1971 a 1982. Foi Presidente da Copene, de 1972 a 2001. Implantou o Polo Petroquímico de Camaçari.

Perrone acompanhou a implantação e o funcionamento de várias empresas como Diretor e como membro dos seus Conselhos de Administração. Foi Presidente da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim) de 1985 a 1986 e do Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP) de 1995 a 2001. Foi presidente da Nordeste Química S.A. (Norquisa), de 1991 a 2001. Durante sua vida recebeu inúmeras premiações, entre os quais a do Mérito Industrial Luiz Tarquínio, em 1984, concedido pela Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB).

Boa parte da concepção e do planejamento do Polo Petroquímico de Camaçari, do ponto de vista técnico, organizacional, logístico e apoio financeiro, se deve à figura de Perrone. As habilidades de Perrone garantiram um excelente convívio com os governadores da Bahia que apoiaram os projetos de forma plena. Luiz Viana Filho, Antonio Carlos Magalhães e Roberto Santos estiveram ao seu lado por todo o tempo da construção do Polo e ele fez tudo sem falhas ou deslizes.

 

 
 
 

voltar para lista completa